Segunda-feira
08 de Março de 2021 - 
Telefone Fixo/WhatsApp: (21) 2524-4508
Telegram/SMS: (21) 99627-5880
Endereço: Rua Barão de Mesquita, 133, sobrado, parte, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, CEP 20.540-005
CASTRO MAGALHÃES SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA

Controle de Processos

Webmail

Newsletter

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,69 5,69
EURO 6,77 6,77
LIBRA ES ... 7,86 7,86
GUARANI 0,00 0,00

Últimas notícias

OAB/DF cria e-mail exclusivo para denúncias de não atendimento da advocacia por parte de magistrados

Pelo e-mail [email protected], o profissional poderá encaminhar casos de violação às prerrogativas profissionais, tendo o sigilo da fonte garantido. A proposta é avançar no combate ao desrespeito ao exercício profissional da advocacia – essa já é uma das principais frentes de ação da atual gestão da OAB/DF. No ano passado, após o início da pandemia e da adoção de medidas de restrição ao acesso a instalações do Judiciário para prevenção à Covid-19, a Seccional do Distrito Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/DF) passou a receber muito mais queixas de advogados e de advogadas sobre a dificuldade de acesso aos magistrados. Promoveu um levantamento inédito e identificou 145 cartórios e gabinetes nos tribunais e nas cortes superiores atuando de portas fechadas para a advocacia. O número representa 36,36% de um total de 399 serventias avaliadas pela Seccional. Os resultados foram levados aos respectivos tribunais e surtiram efeito em obter medidas concretas das Cortes visando a um melhor atendimento em favor da advocacia. É obrigação do magistrado receber os advogados e há determinações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para que se disponibilizem canais de atendimento. A OAB/DF retoma agora esse monitoramento com mais ênfase e pede o apoio da advocacia por meio de campanha em seu site e em suas redes sociais, pulgando o novo e-mail exclusivo para denúncias. O diretor de Prerrogativas da Seccional e presidente da Comissão de Prerrogativas da OAB/DF, Rafael Martins, explica a ação: “Precisamos contar com o apoio de toda a advocacia do Distrito Federal para monitorarmos como a magistratura vem atendendo advogadas e advogados, já que na jurisdição do DF são mais de 300 serventias judiciais, entre 1ª e 2ª instância e tribunais superiores. Identificados os casos de não atendimento e de desrespeito às prerrogativas, agiremos pronta e energicamente junto aos órgãos fiscalizatórios” O presidente da Seccional da OAB/DF, Délio Lins e Silva Jr., ressaltou que respeito às prerrogativas é uma das principais bandeiras de atuação da atual gestão. “Como já disse, é algo que pedimos sempre de pé e com muita propriedade. Direito da população à defesa é inegociável e só acontece quando as advogadas e advogados são respeitados no exercício profissional!” PROJETO PRERROGATIVAS NAS RUAS É REATIVADO Também, em março do ano passado, a OAB/DF deu início a uma ação em defesa das garantias fundamentais no exercício da advocacia: o projeto “Prerrogativas nas Ruas”. Integrantes da Comissão de Prerrogativas da Seccional e das Subseções visitando fóruns, delegacias e órgãos públicos para conversar com advogados e advogadas, ouvindo as reclamações e buscando soluções imediatas para os problemas relatados. Veio a pandemia e o projeto, por conta das medidas de restrição na circulação, passou a atuar on-line. Agora, o projeto está reiniciado na rua e a pleno vapor. As diligências mais recentes realizadas foram junto ao sistema carcerário, em Brazlândia e em Taguatinga. Seguirá por todo o Distrito Federal. Leia mais sobre: Estudo inédito da OAB/DF Lançamento do Prerrogativas nas Ruas Prerrogativas nas Ruas em Taguatinga Prerrogativas nas Ruas visita Brazlândia Comunicação OAB/DF Texto: Montserrat Bevilaqua Fotos: Divulgação
22/02/2021 (00:00)
Visitas no site:  353162
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.